Notícias- Volta Redonda

 

Comercialização do produto foi suspensa desde o dia 30 de abril, após ser permitida devido à pandemia da Covid-19

 

A Vigilância Sanitária de Volta Redonda iniciou na última quinta-feira (2) a fiscalização em drogarias, estabelecimentos que vendem produtos hospitalares, supermercados e comércio em geral com o objetivo de retirar de circulação as embalagens de álcool 70% em sua forma líquida. A comercialização do produto foi suspensa desde o dia 30 de abril pela Resolução da Diretoria Colegiada (RDC) número 766/2022 da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

Por ser altamente inflamável e representar risco à integridade física das pessoas, como queimaduras graves em caso de acidentes, o álcool líquido 70% teve sua comercialização proibida em 2002. Porém, com a pandemia da Covid-19, esse tipo de álcool etílico teve a proibição flexibilizada nos últimos anos.

Segundo o coordenador da Vigilância Sanitária, Carlos Amaro Chicarino de Carvalho, no geral, os estabelecimentos fiscalizados têm obedecido a resolução da Anvisa, pois foram apreendidos, até o momento, apenas 27 embalagens de 1 litro e 40 embalagens de 500 ml de álcool 70% na forma líquida.

“A fiscalização permanecerá a fim de que todos os estoques sejam retirados do mercado. Qualquer estabelecimento comercial que seja flagrado vendendo ou comercializando esses produtos estará sujeito ao recolhimento imediato, além de outras penalidades cabíveis”, disse Carlos Amaro.

Foto: Juca Varella/Agência Brasil
Secom/PMVR



Publicidade

Share
 
Rua Pedro Maria Neto, 17/101 - Aterrado - 27.215-590 - Volta Redonda - RJ
Todos os direitos reservados - 2021
Guia Comercial Sul Fluminense
© 2009 / 2021 Guia Sul Fluminense - Desenvolvido por ABCMIX - 2021
We use cookies
Utilizamos cookies no nosso website. Alguns deles são essenciais para o funcionamento do site, enquanto outros nos ajudam a melhorar este site e a experiência do utilizador (cookies de rastreio). O utilizador pode decidir por si próprio se quer ou não permitir cookies. Note que, se os rejeitar, poderá não conseguir utilizar todas as funcionalidades do site.