Prefeitura de Resende entra na reta final em manutenção de sistemas de drenagem nos bairros paraíso e mirante das agulhas

Prefeitura de Resende entra na reta final em manutenção de sistemas de drenagem nos bairros paraíso e mirante das agulhas

Serviço contínuo e essencial evita transtornos em tempos chuvosos e prejuízos à população  

 

A Prefeitura de Resende, através da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos, continua com os esforços contínuos de desobstrução de sistemas de drenagem em toda a cidade. Neste momento, dois importantes pontos estão com serviços na reta final: na Rua Ourique Ferreira, no bairro Paraíso, e no bairro Mirante das Agulhas. A expectativa é de que os pontos sejam concluídos nos próximos dias.  

 

No caso da Rua Ourique Ferreira, o problema teve início em 2019, quando um rompimento da rede pluvial causou uma erosão profunda e obstruiu a rede de águas pluviais. De imediato, as equipes da Prefeitura desobstruíram as redes, mas a erosão ainda deixou marcas e preocupou técnicos da prefeitura. Após monitorar a situação com vistorias, a Prefeitura identificou desconformidades com o projeto da construção da rede pluvial, executada por uma empresa privada.   

 

- A Rua Ourique Ferreira recebe um grande fluxo de veículos e, por isso, já foi liberada para o trânsito. Já foi concluído o assentamento dos meios-fios, os bueiros e, em breve a equipe fará a última caixa de águas pluviais, para encerrar de vez a intervenção e colocar ponto final nos problemas de erosão que a via enfrentava – explicou o Secretário Municipal de Obras e Serviços Públicos, Victor Sampaio, que acompanha, junto dos fiscais da Prefeitura e do prefeito Diogo Balieiro Diniz, o andamento das obras.  

 

Já no caso do serviço de manutenção da rede de drenagem do bairro Mirante das Agulhas, a equipe que atua no local iniciou hoje a implantação do novo asfalto em todo trecho que recebeu a manutenção. A Prefeitura já fez a instalação de todas as caixas de escoamento, bueiros e ligações na Rua Juca Paiva.  

 

De acordo com o Secretário Municipal de Obras e Serviços Públicos, Victor Sampaio, a rede de drenagem possuía bueiros entupidos e muito danificados. Com a chegada do tempo chuvoso, segundo ele, as consequências dessas condições são transtorno para a população, que muitas vezes também é responsável pela obstrução por conta do descarte indevido do lixo.   

 

- O serviço é de rotina, pois é natural que, com o passar do tempo, as redes fiquem entupidas com os resíduos naturais, mas também é preciso estar atento ao lixo descartado indevidamente que pode acelerar e piorar esse processo. Neste caso, é essencial a compreensão e o trabalho em conjunto com a população, que pode fazer sua parte descartando o lixo corretamente e evitando a obstrução das redes de drenagem – explicou.

 

Leia também: