Estação hidrológica passa por manutenção em Resende

Estação hidrológica passa por manutenção em Resende

Equipamento ajuda na prevenção a desastres e na formulação de ações da Defesa Civil

 

A estação hidrológica localizada sobre a Ponte de acesso ao Alphaville passou por manutenção feita pelos técnicos do CEMADEN-RJ (Centro Estadual de Monitoramento e Alerta de Desastres Naturais). O trabalho preventivo é considerado importante para que o aparelho se mantenha em operação com eficiência, pois ele é responsável por registros diários e em tempo real. Com isso, é uma ferramenta imprescindível para a Defesa Civil de Resende. Essa é a primeira manutenção realizada neste equipamento, desde a sua instalação. 

 

Com a finalidade básica de realizar a medida, o armazenamento e a transmissão de dados hidrológicos, essas estações monitoram o nível do rio (usando sensor tipo radar) e da precipitação (com pluviômetro de báscula), e incluem uma webcam integrada ao "datalogger" de maneira a permitir registros fotográficos em tempo real da situação do rio, principalmente no que diz respeito a enxurrada, erosão de margens e alagamento do núcleo urbano. Essas informações são transmitidas pelas redes de telefonia celular. 

 

O município de Resende conta atualmente com três pluviômetros, que registram a quantidade de chuvas e permitem um planejamento melhor das ações da Defesa Civil. Essa rede de dados ajuda, por exemplo, na confecção do boletim diário emitido pelo órgão municipal sobre condições climáticas. De acordo com o diretor da Defesa Civil, Flávio Germano da Silva, a Prefeitura já conta com mais quatro pluviômetros, que estão prontos para ser instalados.

 

Leia também: