Fiéis de Barra Mansa participam de carreata em homenagem a Nossa Senhora Aparecida

Fiéis de Barra Mansa participam de carreata em homenagem a Nossa Senhora Aparecida

Tradicional procissão foi adaptada para garantir a segurança dos participantes

 

O dia de Nossa Senhora Aparecida (12) foi comemorado de uma forma diferente em Barra Mansa este ano. Por conta da pandemia da Covid-19, a tradicional procissão foi substituída por uma carreata, atraindo fiéis que, de dentro dos seus veículos, puderam demonstrar seu amor e devoção pela santa.

 

A carreata teve início por volta das 15h, em frente à Comunidade Eclesial Sagrada Família, no bairro Roberto Silveira. A imagem percorreu as principais ruas do Centro, seguindo pelo bairro Saudade, Vila Maria, Vila Nova, Vista Alegre e Ano Bom, voltando para o ponto de partida.

 

Para que a homenagem a Nossa Senhora Aparecida fosse possível, algumas mudanças foram necessárias, como explica o responsável pelo evento, Rogério Baião. “Diferente dos outros anos, a passagem da imagem de Nossa Senhora Aparecida pelo rio Paraíba do Sul aconteceu separadamente, às 12h, a fim de evitar aglomerações de fiéis, mas cumprindo a tradição. A saúde e segurança de todos são muito importantes para nós”.

 

O presidente da Fundação Cultura Barra Mansa, Marcelo Bravo, falou sobre a importância que o evento tem para o município. “A ligação que Barra Mansa tem com a Nossa Senhora Aparecida é imensa. Essa santa veio do Rio Paraíba do Sul, de onde surgiram nossas comunidades. A devoção de nossa cidade, as demonstrações de fé e homenagens fazem parte da história e cultura do nosso município. Unimos esforços para manter essa tradição tão importante para Barra Mansa”.

 

Um dos fiéis que sempre prestigia a passagem de nossa senhora pelo Rio Paraíba do Sul e que este ano acompanhou a carreata foi o radialista Carlos Antônio Costa, morador do São Luiz. “Com a questão da pandemia, foi mais viável fazer uma carreata. É muito importante manter esse momento de fé. Para quem é devoto, como eu sou, esse momento é fundamental, principalmente durante a pandemia”.

 

Leia também: